Excedente de energia solar: vender ou usar créditos? Guia completo

Descubra como otimizar o valor do seu excedente de energia solar, escolhendo entre vender ou usar como crédito, e garanta economia para a sua empresa.

Data de publicação: 14/05/2024

Na gestão de excedente de energia solar, diante das possibilidades de venda ou conversão em créditos para abatimento em contas futuras, surge o desafio: qual a melhor escolha?

Entender as dinâmicas e o potencial econômico do excedente de energia solar é essencial para otimizar seus benefícios, tanto no aspecto financeiro quanto ambiental.

A decisão sobre o que fazer com o excedente de energia solar envolve uma análise detalhada das vantagens e desvantagens de cada opção. Veja como a venda ou a utilização futura dos créditos de energia pode impactar a sua gestão energética!

O que é excedente de energia?

O excedente de energia ocorre quando a geração excede o consumo imediato do local onde o sistema está instalado.

Esse excesso de geração é influenciado por diversos fatores, como a capacidade instalada do sistema fotovoltaico, a incidência solar no local (no caso de energia solar) e cálculos de consumo de energia da empresa.

Tecnicamente, o excedente pode ser medido por sistemas de monitoramento em tempo real, que fornecem dados precisos sobre geração e consumo, permitindo uma gestão eficaz desse excedente.

Vantagens da venda de excedente de energia solar

Vender o excedente de energia solar oferece uma série de vantagens para as empresas, desde benefícios financeiros até contribuições significativas para a sustentabilidade. Abaixo, entenda melhor cada um desses benefícios.

Geração de receita adicional

A venda do excedente de energia solar transforma um recurso não utilizado em uma fonte de receita, contribuindo para o fluxo de caixa da empresa.

Retorno sobre o investimento (ROI) acelerado

Com a geração de receita adicional, as empresas podem recuperar mais rapidamente o investimento feito na instalação dos sistemas fotovoltaicos, se for o caso.

Incentivos governamentais e fiscais

Muitas regiões oferecem incentivos, como créditos fiscais ou tarifas bonificadas, para empresas que contribuem com energia renovável para a rede.

Acesso a mercados de energia verde

A venda de excedentes permite que as empresas participem ativamente dos mercados de energia verde, abrindo portas para novas oportunidades de negócios e parcerias.

Flexibilidade financeira

A receita adicional da venda de excedente oferece às empresas maior flexibilidade financeira para investir em outras áreas, incluindo novos projetos de sustentabilidade.

3 pontos de atenção na venda de excedente de energia solar

Embora existam muitos benefícios na venda de energia solar excedente, é importante se atentar para alguns pontos que podem reduzir ou potencializar as vantagens da operação. Confira a seguir!

Necessidade de compatibilidade

  • Integração técnica com a rede é crucial. É necessário que o sistema solar esteja alinhado com padrões de qualidade e segurança energética.
  • Sistemas mais antigos ou em locais com infraestrutura elétrica limitada podem enfrentar desafios significativos para sincronização com a rede.

Variação nas tarifas de compra

  • As tarifas podem flutuar conforme oferta e demanda e em decorrência de mudanças nas políticas governamentais e condições econômicas, afetando a previsibilidade dos ganhos.
  • No Brasil, a regulação da ANEEL sobre essas tarifas pode mudar, impactando a rentabilidade da venda de energia solar excedente a longo prazo.

Dependência de regulamentações e incentivos governamentais

  • Alterações nas políticas de compensação de energia ou nos incentivos para a geração distribuída podem mudar a viabilidade econômica da venda do excedente.
  • É essencial se manter atualizado sobre as regulamentações e adaptar estratégias para otimizar os benefícios da venda.

Créditos de energia: como funcionam?

O sistema de compensação de energia elétrica converte o excedente de energia gerado em créditos, que podem ser utilizados para abater o consumo posteriormente, por exemplo, em períodos de menor geração solar.

Do ponto de vista técnico, esse processo envolve a medição bidirecional de energia, em que a energia injetada na rede é medida separadamente da consumida, gerando um saldo de créditos.

A validade e a forma de utilização desses créditos são regulamentadas pela ANEEL (Agência Nacional de Energia Elétrica), oferecendo uma opção de economia na fatura de energia.

Como calcular os créditos de energia?

Os créditos de energia no Brasil são calculados conforme a resolução normativa da ANEEL. Por exemplo, se um sistema fotovoltaico injeta 100 kWh de energia excedente na rede e a tarifa estabelecida for equivalente a R$ 0,50 por kWh, o produtor acumulará R$ 50,00 em créditos de energia.

Esses créditos podem ser utilizados para abater o consumo em meses subsequentes, de acordo com as regras de compensação vigentes.

Perguntas frequentes sobre excedente de energia solar

A seguir, confira as respostas para as principais dúvidas sobre excedente de energia solar.

Devo vender o excedente ou acumular créditos?

Isso depende de vários fatores, incluindo as tarifas de compra atuais, as expectativas de uso futuro de energia e as políticas regulatórias.

Avaliar cuidadosamente as condições de mercado e as opções disponíveis pode ajudar a maximizar os benefícios econômicos e sustentáveis de seu sistema fotovoltaico.

Os créditos de energia têm validade?

Sim, a maioria dos regimes de crédito de energia estabelece um período de validade para os créditos acumulados, que pode variar de acordo com a regulamentação local. É importante conhecer essa validade para planejar o uso efetivo dos créditos e evitar perdas.

Como as mudanças na legislação podem afetar meu sistema já instalado?

A modernização no setor elétrico legislativo pode afetar os sistemas fotovoltaicos já instalados, alterando as condições para a venda de excedente ou a acumulação de créditos.

Algumas regulamentações oferecem proteções ou períodos de transição para sistemas existentes, enquanto outras podem impor novas obrigações.

Manter-se atualizado e, se possível, buscar aconselhamento especializado, pode ajudar a navegar por essas mudanças.

Transforme a energia da sua empresa com a EDP

A decisão entre vender o excedente de energia ao grid ou transformá-lo em créditos para compensação futura requer uma análise cuidadosa das condições de mercado, regulamentações vigentes e dos próprios padrões de consumo energético.

Aproveite o simulador de economia gratuito da EDP para entender a melhor solução para o seu negócio e descobrir quanto você pode economizar com um sistema de energia solar personalizado, eficiente e alinhado às melhores práticas de sustentabilidade!

Artigos relacionados